FISCALIZAÇÃO DA PREFEITURA MULTA CASOS DE MAUS TRATOS A ANIMAIS E PROPRIETÁRIA É PRESA

Rafael Pompeu
Comunicação/Prefeitura

Na semana passada, a Fiscalização da Prefeitura multou duas proprietárias por maus tratos a seus cachorros, uma delas chegou a ser presa.

A primeira autuação aconteceu na terça-feira (08/02), quando uma mulher tentou deixar seu cachorro no Canil Municipal. O cachorro se encontrava numa situação deplorável e foi atendido pelo veterinário da Prefeitura, mas não resistiu e veio a óbito. A proprietária multada pela Fiscalização da Prefeitura, por maus tratos.

No segundo caso, a ONG Bicho é Bom recebeu a denúncia de maus tratos a um cachorro na sexta-feira (11/02). Chegando ao local, a situação se confirmou. O animal estava em estado de caquexia e desidratação grave, com sangramentos, assadura, infestado de pulgas e carrapatos, muito sujo e com infecções. Mesmo com os cuidados da veterinária, o animal não resistiu e veio a óbito após o atendimento.

A Polícia Civil foi acionada e obteve informações a respeito da proprietária do animal, a mesma foi encontrada e conduzida até a delegacia, onde informou não ter condições para cuidar do cachorro. Diante dos fatos, ela foi presa pelo crime de maus tratos e multada pela Fiscalização da Prefeitura. O valor das multas, em ambos os casos, foi de R$ 4.903,50.

“É muito triste se deparar com situações como esta, apelamos à população que denuncie qualquer ato de maus tratos a animais, isso é crime!” – comentou Marta Godoy, presidente da ONG Bicho é Bom.

A ONG Bicho é Bom, a Polícia Civil, o Departamento de Fiscalização e a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Prefeitura pedem à população para que denunciem casos de maus tratos a animais, por se tratar de crime, passível de multa e prisão. A denúncia pode ser feita através do WhatsApp do Meio Ambiente: (19) 99613-7057.